Viseu já tem um núcleo de estudantes social democratas

14/06/2021 11:43

Na passada sexta-feira, dia 11 de junho, foi eleito o Núcleo de Estudantes Social Democratas do Instituto Politécnico de Viseu (NESD IPV). Este é o primeiro núcleo de estudantes social democratas fundado em Viseu.

A eleição, que decorreu durante a tarde, no auditório da Escola Superior de Educação de Viseu, contou com a presença do presidente da Juventude Social Democrata Concelhia de Viseu, Adolfo César Pereira.

A Direção do núcleo de estudantes agora criado é presidida por Bruno Almeida, que está a frequentar o mestrado em Engenharia Eletrotécnica na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu (ESTGV). A secretária-geral é Mariana Coelho, estudante da licenciatura em Enfermagem na Escola Superior de Saúde de Viseu, enquanto a presidência da Mesa do Plenário foi assumida por José Amorim, mestrando em Marketing na ESTGV.

Segundo nota divulgada pela Juventude Social Democrata de Viseu, os novos órgãos do núcleo são compostos por militantes de vários distritos e regiões autónomas do país, como Guarda, Aveiro, Açores, Santarém e Viseu.

«Uma boa comunicação será um pilar essencial para construir um verdadeiro elo de ligação e mantermos uma relação de proximidade com os estudantes», afirma o recente eleito presidente do NESD IPV, Bruno Almeida. O presidente acrescenta que a proximidade, a participação política ativa dos jovens, as atividades com as cinco escolas do IPV, a participação interinstitucional, são ações que vão estar voltadas para a integração das diferentes culturas científicas do meio académico.

Por sua vez, o presidente da JSD Viseu, Adolfo César Pereira, refere que «a criação do NESD serve como prova do interesse dos estudantes do Ensino Superior na política». O presidente da estrutura laranja adianta ainda que, cada vez mais, as instituições de Ensino Superior, como motores do pensamento livre e crítico, devem acolher de braços abertos este tipo de organizações estudantis.

Com uma «participação ativa e constante nas atividades dos núcleos associativos» o núcleo vai trabalhar com as instituições e promete apoio desde a primeira hora, garante Bruno Almeida. »Pretenderemos desmistificar a política e combater os preconceitos associados à mesma», acrescenta o presidente eleito. 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *