Vai ser criada uma Unidade Local de Proteção Civil na freguesia de Touro

02/11/2021 11:08

No seguimento da reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil do Município de Vila Nova de Paiva, que decorreu na passada sexta-feira, foi aprovada, por unanimidade, a criação de uma Unidade Local de Proteção Civil na freguesia de Touro.

O autarca Paulo Marques, na qualidade de Autoridade Municipal de Proteção Civil, referiu a importância da criação de Unidades Locais de Proteção Civil em todas as freguesias, enaltecendo a iniciativa do presidente da Junta de Freguesia de Touro em constituir a da sua freguesia.

Mário Morgado, presidente da Junta de Freguesia de Touro, fez uma resenha do que os voluntários desta unidade local têm vindo a desenvolver desde 2018, salientando também a constituição da equipa de Sapadores Florestais da Freguesia de Touro, e a importância que esta representa para as populações não só de Touro, como das freguesias vizinhas.

O representante da ANEPC, Alexandre Borges, parabenizou a Junta de Freguesia de Touro e referiu a disponibilidade de material didático, bem como de todas as valências da ANEPC.

Na reunião estiveram representados os membros desta comissão, nomeadamente, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), a GNR – Destacamento Territorial de Moimenta da Beira, o Exército Português, a Autoridade de Saúde do ACES Dão Lafões, os Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Paiva, os Serviços de Ação Social Municipal, o Instituto de Segurança Social, IP – Centro Distrital de Viseu, o Gabinete Técnico Florestal Municipal e as Juntas de Freguesia do concelho.

Comissão Municipal de Defesa da Floresta também reuniu

Momentos antes da reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil do Município de Vila Nova de Paiva, reuniu, também, a Comissão Municipal de Defesa da Floresta daquele concelho.

Nesta reunião foi votado o Parecer Prévio relativo ao Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI) para o período de 2022 a 2031, tendo o mesmo sido favorável.

Teceram-se, igualmente, várias considerações sobre a defesa da floresta contra incêndios pelos representantes do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), nomeadamente sobre ações futuras a desenvolver, como por exemplo, «o fogo controlado de forma a criar zonas de tampão, bem como a necessidade de vigilância ativa nos períodos críticos para deteção precoce das ocorrências, permitindo uma intervenção rápida e eficaz dos meios de socorro», esclarece a autarquia.

Além de Paulo Marques, na qualidade de Presidente do Município e da referida comissão, estiveram, também, representantes da ANEPC, do ICNF, do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente da GNR do Destacamento Territorial de Moimenta da Beira, do Exército Português, da Associação de Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Paiva, do Clube Desportivo de Caça e Pesca de Vila Nova de Paiva, da Comissão de Compartes e Baldios de Fráguas, da Comissão de Compartes de Alhais, do Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal e também os Presidentes das Juntas de Freguesia do concelho.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *