Parques Aquáticos podem reabrir esta sexta-feira

16/07/2021 10:33

Os parques aquáticos que estão situados nos municípios de risco elevado e muito elevado de contágio da COVID-19 pode reabrir já esta sexta-feira. Segundo decisão do ministério da economia, devem apenas cumprir as orientações da Direção-Geral da Saúde.

Este despacho assinado, esta quinta-feira pelo ministro de Economia, Pedro Siza Vieira, põe fim à decisão tomada há pouco mais de um mês de mandar encerrar estes espaços de diversão caso estivessem num município de risco elevado ou muito elevado de contágio.

Os espaços de diversão têm já planos de contingência, reduziram a capacidade máxima diária de visitantes, delimitaram espaços para que as pessoas mantenham o distanciamento e reforçaram a higienização dos espaços.

A DGS recomenda também que se tente controlar os aglomerados de pessoas no acesso aos parques, nas filas ou junto às piscinas, assim como alerta para a necessidade de existirem dispensadores de solução à base de álcool e de se desativar os bebedouros.

Os procedimentos adequados desses locais aquáticos no que respeita a desinfeção da água (com cloro ou bromo) «são eficazes e suficientes para inativar o vírus» e «o cloro é considerado um excelente desinfetante de água em piscinas», lê-se no parecer divulgado há um ano.

Após analisar os critérios e procedimentos necessários para a reabertura destes equipamentos e «tendo em conta o risco de transmissão inerente ao seu funcionamento» e às atividades que são disponibilizadas aos utilizadores, o ministro da Economia conclui que, «no atual contexto, é possível a reabertura dos parques aquáticos», lê-se no despacho.

Esta semana, o número de concelhos nestes níveis de risco aumentaram de 60 para 90.

//Lusa e redação//

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *