Município de Viseu promove atividade física nas crianças com a “Roda Ativa”

22/04/2021 20:01

No âmbito do programa municipal “Crescer Ativo” – projeto “Escola Ativa”, a Divisão de Desporto, Saúde e Juventude do Município de Viseu lançou a “Roda Ativa”. Uma ferramenta que promove a atividade física nos alunos dos jardins de infância e 1º ciclo do ensino básico do concelho, auxiliando os professores na realização de “Pausas Ativas”.

«Mais uma vez, Viseu distingue-se na implementação de boas práticas que promovem a saúde e o bem-estar junto dos mais jovens», defende Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu.

A distribuição desta ferramenta «made in Viseu», criada no último período de confinamento, arrancou esta semana nas escolas dos vários agrupamentos, integrantes do projeto.

Hoje, dia 22 de abril, a autarquia viseense, «muito curiosa» com a iniciativa, acompanhou uma demostração da “Roda Ativa”, na Escola Básica Aquilino Ribeiro.

Ermelinda Afonso, Vereadora do Desporto, Saúde e Juventude explica que, “as Pausas Ativas apresentam-se como uma estratégia que potencia um ambiente ativo na comunidade escolar, possibilitando trabalhar o movimento para quebrar a rotina da aula dando às crianças um intervalo divertido, com o objetivo de despertar o corpo e revigorá-las”.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, os níveis de inatividade física da população representam o 4º fator de risco de mortalidade a nível mundial. Neste sentido, Ermelinda Afonso sublinha que «as crianças e os adolescentes não devem passar mais de 2 horas por dia em atividades realizadas na posição deitada ou sentada, já que correm o risco de ver afetados negativamente parâmetros de saúde, dieta, aptidão física e desempenho cognitivo».

Segundo a vereadora, a “Roda Ativa” tem, precisamente, o intuito de reduzir os comportamentos sedentários e promover «na comunidade escolar ambientes mais positivos, mais saudáveis e potenciadores do sucesso escolar».

O projeto “Escola Ativa”, lançado em 2019, pelo Município de Viseu, engloba, este ano letivo, mais de 3000 crianças do concelho, de 171 turmas, dos Agrupamentos de Escolas Infante D. Henrique, Viso, Grão Vasco e Mundão, e ainda, algumas instituições privadas.

 

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *