Concelho de Vila Nova de Paiva: Conheça os candidatos à sua freguesia

27/08/2021 19:30

O município de Vila Nova de Paiva situa-se na sub-região de Viseu Dão-Lafões e, segundo os dados preliminares dos Censos 2021, tem 4 660 habitantes, dispersos por 175,53km2. O concelho era, anteriormente, constituído por sete freguesias – Pendilhe, Queiriga, Touro, Vila Cova à Coelheira, Vila Nova de Paiva, Alhais e Fráguas – acabando as três últimas agregadas, após a reorganização administrativa de 2012/2013. Seguem-se os candidatos às Assembleias de Freguesia nas eleições de setembro.

PENDILHE

Em Pendilhe, numa área aproximada de 18 km2, residem 494 indivíduos, e surgem quatro listas ao pleito autárquico.  O atual presidente da Junta, Jorge Cerdeira, 40 anos, empresário agrícola, avança para um terceiro mandato, à frente do PS. Do outro lado do espetro político, encontra-se o social-democrata Euclides Mendes, com 62 anos e funcionário do Clube de Caça e Pesca. Na corrida estão ainda António Silva, 62 anos, padeiro, pela CDU / PCP-PEV, e o independente José Batista. Este técnico especializado, de 65 anos, dá a cara pelo “Nós, Cidadãos!”. Nas eleições transatas, o PS venceu com 184 votos (56,62%), seguido do PPD/PSD.CDS-PP, com 115 votos (35,38%), e do PCP-PEV, com 19 votos (5,85%).

QUEIRIGA

Com uma área de 35,56 km2 e 522 residentes, a freguesia de Queiriga apresenta três equipas. Conhecida como a aldeia mais francesa de Portugal, depois de Augusto Moreira não se poder candidatar, devido à limitação de mandatos, o PS aposta em Margarida Costa, desempregada, de 63 anos, e antiga emigrante. O empresário Cristóvão Chaves, de 41 anos, e atual presidente da Associação “Os Queiriguenses”, é a escolha do PSD. O rol fica completo com a CDU / PCP-PEV e o cabeça de lista Eduardo Coelho, de 49 anos, com a profissão de abastecedor de combustíveis. Na votação passada, o PS conseguiu 253 votos (57,89%) e o PCP-PEV, 132 (30,21%).

TOURO

O empresário de 29 anos, Mário Morgado, recandidata-se, a um segundo mandato, no Touro, freguesia com 819 e 47,75 km2. O antigo presidente da Junta, Amândio Salvador, desempregado, de 65 anos, vai a votos, novamente, pelo PSD. No boletim a depositar nas urnas vão constar, ainda, os nomes do independente e sapador florestal de 50 anos, José Direito, pelo “Nós, Cidadãos!”, e Henrique Coelho, técnico de manutenção industrial, que aos 24 anos encabeça a lista da CDU / PCP-PEV, que há quatro anos obteve 9 votos (1,44%), sendo superada pela do PPD/PSD.CDS-PP, que obteve 263 votos (41,95%), e pela do PS, que foi a escolha de 319 eleitores, conseguindo 50,88%.

VILA COVA À COELHEIRA

Com 941 habitantes e 32,17 km2, freguesia de Vila Cova à Coelheira foi vila e sede de concelho até ao início do século XIX. Ao atingir o limite de mandatos, Jorge Reis, atual presidente da Junta, vê o seu nome ser substituído pelo do empresário de 46 anos, Fernando Pinto, na lista socialista. Na disputa política estão, também, do lado do PSD, José Silva, técnico de distribuição postal, de 48 anos, e João Lopes, 59 anos, operário da construção civil, pela CDU/PCP-PEV. Também, aqui, em 2017, só foram duas listas a votação: a vencedora, socialista, com 313 votos (55,40%) e a da coligação PPD/PSD.CDS-PP, com 230 votos (40,71%).

UNIÃO DAS FREGUESIAS DE V. N. PAIVA, ALHAIS E FRÁGUAS

Atualmente, esta circunscrição administrativa, com 37,21 km2, é a mais populosa do concelho, com 1 884 indivíduos. A sede do município é, igualmente, designada de “Barrelas”. Esta União das Freguesias vai ter nova direção, uma vez que o ainda presidente Ilídio Cruz, do PS, se encontra a terminar o terceiro mandato. Em sua substituição, o Partido Socialista propõe o empresário de 56 anos, Alberto Afonso. A ala direita social-democrata aposta em Pedro Sousa, de 47 anos. O empresário é, atualmente, o presidente da direção do “Malhadinhas Clube/Runners do Demo”. Trabalhadora da indústria hoteleira, Carla Fonseca, de 38 anos, avança pela CDU / PCP-PEV e o empresário Paulo Tavares, de 49 anos, encabeça a lista independente “Nós, Cidadãos!”. No último pleito autárquico, a vitória foi dada ao PS, depois de conseguir 694 votos (53,84%), sendo a segunda posição ocupada pelo PPD/PSD.CDS-PP, com 484 votos (37,55%), e, por fim, o PCP-PEV, com 58 votos (4,50%).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *