Autarquia viseense aprova investimento superior a 1,6 milhões de euros nas freguesias

02/09/2021 13:54

O Executivo municipal aprovou, esta quinta-feira, em reunião de Câmara, as empreitadas relativas à Estação Elevatória de Águas Residuais de Bigas e das Redes de Água e Esgotos em Casaldeiro. Na sessão foram ainda aprovados o lançamento de vários concursos que, a juntar às obras referidas, perfazem um investimento global superior a 1,6 milhões de euros.

«A coesão territorial e a aposta nas diferentes freguesias do concelho é uma prioridade para o Município de Viseu. Continuamos a trabalhar intensamente com a certeza de que, no fim deste percurso, as 25 freguesias de Viseu estarão mais atrativas, mais sustentáveis e melhor preparadas para enfrentar os desafios do futuro», afirmou Conceição Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Viseu.

A obra da Estação Elevatória de Águas Residuais de Bigas, na freguesia de Lordosa, representa um investimento de 348 mil euros e será levada a cabo pela empresa Embeiral – Engenharia e Construção, S.A.

No que respeita às Redes de Água e Esgotos em Casaldeiro, em São Pedro de France, a empreitada, no valor de 179 mil euros, foi adjudicada à empresa Persovias, Lda. Ainda nesta área, destaque para a abertura de procedimento da 1ª fase da empreitada de saneamento básico no Bairro do Paúl no Caçador, pelo preço base de 246 mil euros.

Ao nível das acessibilidades, o Município de Viseu vai avançar com o concurso para a empreitada na EN 323, que prevê a correção de curvas entre Nogueira de Cota e Cepões. Esta via faz a ligação entre Viseu e o concelho vizinho de Vila Nova de Paiva, e constitui o principal acesso da freguesia de Cota à sede do concelho, servindo 973 habitantes. A obra visa requalificar o pavimento, suavizar curvas existentes para as dimensões regulamentares e sinalizar adequadamente a via e cruzamentos. Complementarmente será melhorado o sistema de drenagem de águas pluviais.

Os trabalhos, que permitirão melhorar as condições de segurança da via, serão divididos em duas fases. O investimento na 1ª fase, cujo concurso foi agora aprovado e corresponde à requalificação entre a ponte do Rio Vouga e Nogueira de Cota, é superior a 410 mil euros. A 2.ª fase, correspondente à requalificação entre Cepões e a Ponte do Rio Vouga, será executada posteriormente.

Por último, o Executivo deliberou ainda a abertura de procedimento para a obra de requalificação da Rua Campo da Bola, em Mundão. A intervenção no arruamento, que serve de ligação entre o Parque Industrial de Mundão e a povoação de Mundão, tem um prazo de execução de 175 dias. Inclui a pavimentação do alargamento nas zonas onde a faixa de rodagem é mais apertada, prolongamento da rede pública de abastecimento de água, execução de valetas em betão para drenagem de águas pluviais e colocação de sinalização horizontal e vertical. Está prevista também uma zona de estacionamento, junto campo de jogos, no alinhamento da faixa de rodagem. O investimento do Município de Viseu ronda os 363 mil euros.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *